domingo, 27 de maio de 2018

Correlação ou Causalidade?

A ideia de que a correlação prova automaticamente a causalidade, é uma falácia lógica denominada “cum hoc ergo propter hoc” (do latim “com isto, logo por causa disto”). 
A correlação, isto é, a ligação entre dois eventos, não implica necessariamente que um dos eventos causou a ocorrência do outro. 
A correlação pode no entanto ser uma pista. 
Obviamente, dois eventos que possuam de fato uma relação da causalidade deverão apresentar também uma correlação. 
O que constitui falácia é o salto imediato para a conclusão de que um causou o outro, sem que isto seja devidamente demonstrado. Fonte: www.Concept.Org

domingo, 29 de abril de 2018

Qual é a diferença entre habilidade e competência?

Habilidade se alcança com aprendizado. Competência não se alcança, se desenvolve com treino. 

Habilidades são capacidades que uma pessoa adquire para desempenhar determinado papel ou função, enquanto a competência é mais ampla e consiste na junção e coordenação das habilidades com conhecimentos e atitudes.

Para ter competência é preciso ter habilidades, e também uma capacidade maior para apresentar soluções dentro de um contexto novo e adverso; quando a capacidade de coordenar as habilidades aprendidas é exigida —, é necessária a competência.

Pense nas habilidades como uma das três partes que compõem uma competência: as outras duas seriam os conhecimentos e a atitude.
Alguém muito habilidoso não significa necessariamente alguém muito competente. Um pessoa pode ter habilidades, porém não ter as competências necessárias,
Fonte: www.diferenca.com e outras da web

 

domingo, 25 de março de 2018

Frankl, Entre o Estímulo e a Resposta

Entre o estímulo e a resposta existe um espaço. 
Nesse espaço fica o nosso poder de escolher nossa resposta. E, na nossa resposta reside nosso crescimento e nossa liberdade. 
Viktor E. Frankl

domingo, 25 de fevereiro de 2018

domingo, 28 de janeiro de 2018

O que é "Folk Politics" ?

Folk Politics, citado no livro 

Inventing the Future: Postcapitalism and a World Without Work

é um termo explicado como um compromisso com formas de ação política horizontal, local, consensual e prefigurativa, que os autores Nick Snicek e Alex Williams afirmam resultar em impotência e irrelevância, falta de objetivo e falta de foco.

Stats

Stat