sábado, 28 de agosto de 2010

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Esforços proporcionais

Se você espera resultados normais, faça esforços normais.
Se espera que sejam extraordinários, faça esforços extraordinários.

Dimitrios Markakis, via Estadão 18 /07/10.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Qual é a melhor religião? 1

Circulou na web este breve diálogo atribuido ao teólogo brasileiro Leonardo Boff e ao 14º Dalai Lama.

- No intervalo de uma mesa-redonda, explica Leonardo Boff, sobre religião e paz entre os povos, na qual ambos (eu e o Dalai Lama) participávamos, eu, maliciosamente, mas também com interesse teológico, lhe perguntei em meu inglês capenga:
- Santidade, qual é a melhor religião? Esperava que ele dissesse que ele dissesse que é o budismo tibetano ou são as religiões orientais, muito mais antigas do que o cristianismo. Mas, o Dalai Lama fez uma pequena pausa, deu um sorriso, me olhou bem nos olhos - o que me desconcertou um pouco, por que eu sabia da malícia contida na pergunta - e afirmou:
- A melhor religião é a que mais te aproxima do Infinito. É aquela que te faz melhor.

Para sair da perplexidade diante de tão sábia resposta, voltei a perguntar:
- O que me faz melhor? Respondeu ele:
- Aquilo que te faz mais compassivo (e aí senti a ressonância tibetana, budista, taoísta de sua resposta), aquilo que te faz mais sensível, mais desapegado, mais amoroso, mais humanitário, mais responsável... Mais ético...A religião que conseguir fazer isso de ti é a melhor religião...

Calei, maravilhado, e até os dias de hoje estou ruminando sua resposta sábia e irrefutável...
Não me interessa amigo, a tua religião ou mesmo se tem ou não tem religião. O que realmente importa é a tua conduta perante o teu semelhante, tua família, teu trabalho, tua comunidade, perante o mundo...

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Nova terapia para o transtorno de estresse pós-traumático é bem sucedida

Conhecida em inglês como PE, iniciais de (terapia da) Exposição Prolongada, se baseia em princípios da terapia cognitivo-comportamental, e centra-se na exposição imaginária da vítima ao evento traumático passado, de uma forma repetida, controlada e prolongada. 

Foca na disputa entre pensamentos invasivos e as tentativas do paciente em evitar as memórias traumáticas. Esta exposição permite ao paciente diferenciar entre o evento traumático que sofreu, e eventos que não são traumáticos, e dessa forma deixar de experimentar o mundo como um lugar perigoso. 
Ao final do processo, a terapia reforça os sentimentos de autocontrole e reduz a sensação de impotência que existe entre os pacientes. Vários estudos que examinaram a eficácia da técnica revelaram que leva a uma redução significativa dos sintomas pós-traumáticos em mais de 80% dos pacientes.
Foi criada e desenvolvida pela professora e psicóloga Edna B. Foa.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Novo Design


São quase 20.000 visitas....!!!
Para comemorar escolhi este novo visu. 
Tem sido muito bom estar com vocês!!!
Espero que tenham gostado!

sábado, 7 de agosto de 2010

Prudência e Sabedoria

Quanto mais prudentes formos, mais sábios poderemos nos sair ao final. Efraim Halevy, comentando a crise no Irã em junho 09, além de outros. como o então Senador Obama, comentando outros temas.

Entrevista feita em 25 de Abril de 2006
video

Águas calmas

Águas calmas são mais profundas.


Ditado europeu atribuído a Catão.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Stats

Stat